A VIDA CRISTÃ NECESSITA DE PRÁTICAS DIÁRIAS

1º Coríntios 16:13,14 – A vida cristã necessita de práticas diárias.
A vida cristã está sempre necessitando de exortações. Deus conduz nossas vidas através de várias exortações. Sua Palavra está sempre repleta de ensinamentos para uma vida prática diante de um ímpio e carente de Deus.
Advertências para uma vida saudável.  
O apóstolo Paulo havia sido consultado sobre vários assuntos importantes, como por exemplo: casamento, divórcio, oferta aos ídolos, dons espirituais e sobre a coleta de ofertas (caps. 7. 8, 12 e 16). Então o apóstolo Paulo aborda na sua carta temas diversos como: Autoridade, Orgulho, Espiritualidade, Falta de amor, Doutrina e Soberania de Deus. Estas exortações correspondem às últimas recomendações do apóstolo à uma igreja dividida por comportamentos egoístas e vaidosos.

Analisemos mais de perto estas exortações:
1º. Sede Vigilantes: Para uma vida cristã completa faz-se necessário vigilância. Somos considerados Atalaias de Deus, conforme Ezequiel 3 e 33. Ser vigilante é estar atento a tudo que nos cerca. É ter algumas práticas diárias como: oração e meditação na Palavra. Deus quer que o seu povo seja vigilante porque não sabemos em que dia e hora Seu Filho Jesus voltará, nem tão pouco sabemos das estratégias de Satanás que vive ao nosso derredor. Disse Jesus: “Portanto, vigiai, porque não sabeis em que dia vem o vosso Senhor.” (Mt.24:42), e apóstolo Pedro escreve: “Sede sóbrios e vigilantes. O diabo, vosso adversário, anda em derredor, como leão que ruge procurando alguém para devorar;” (1Pe.5:8).
2º. Permanecei firmes na fé: Não consiste da vida cristã o desânimo, a angústia, a falta de fé. É bem verdade que passamos por momentos de aflição, mas Jesus completa: “mas tende bom ânimo; eu venci o mundo” (Jo.16:33). Permanecer firmado na fé representa lutas e vitórias, pois sabemos que “sem fé, é impossível agradar a Deus” (Hb.11:6). Devemos crer sempre, não esmorecer. A vida cristã é feita por desafios. A vida cristã é forjada na fornalha da determinação. A vida cristã é alicerçada na coragem que emana do Espírito Santo. A vida cristã é uma coleção de surpresas, de decepções com nossos semelhantes, mas, em contra partida, a vida cristã encontra na cruz do calvário o maior motivo para a perseverança a caminho dos céus.
3º. Portai-vos varonilmente: Estejamos de pé. Baixar a cabeça somente para orar. Ser varonil é ser disciplinado e determinado. É ser vigoroso e objetivo em palavras e decisões. Jesus afirmou: “Seja, porém, a tua palavra: Sim, sim; não, não. O que disto passar vem do maligno.” (Mt.5:37). Esta é a exortação adequada para todo cristão. A postura do cristão deve ser um exemplo onde quer que ele esteja inserido. Não devemos ser motivo de tropeço ou escândalos. O mundo está pronto para acusar-nos e prontos para condenar-nos. Tudo que está no mundo tem um propósito único: levar o crente ao desânimo e à depressão. Devemos preservar a vida de forma irrepreensível, “tendo bom testemunho dos de fora, a fim de não cair no opróbrio e no laço do diabo.” (1Tm.3:7).
4º. Fortalecei-vos: Para Paulo o fortalecimento e o cuidado deve ser mútuo. Ele escreveu aos romanos: “Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros” (Rm.12:10). Esta é uma exortação de amor fraternal. O crente deve interceder uns pelos outros. Somos uma só família e devemos ser um só pensamento. Nossas palavras devem transmitir ânimo diante do abatido. Devem possuir motivos de vida. Devem ser cheias de unção. O crente não deve praticar o negativismo, a fofoca, a calúnia e a difamação. O crente deve reconhecer a vontade de Deus e se fortalecer mutuamente, fortalecendo e sendo fortalecido na obra.
Conclusão: Concluo usando o verso 14: “Todos os vossos atos sejam feitos com amor.”  - Paulo é o autor da poesia do amor (leiamos 1Co.13:1-3). Para Paulo o crente deve colocar amor em tudo que faz, principalmente em relação ao próximo. Jesus resumiu: “Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento. Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas.” (Mt.22:37-40). Deus apresenta advertências para uma vida saudável, devemos apenas guardá-las e praticá-las na nossa vida cristã.    

Pr. Jadson Cunha 

Fonte: Trabalhador da Seara     

Vídeo da semana


Imagens Bíblicas

IMAGENS BÍBLICAS - De Gênesis a Apocalipse.